Anderson Couto sentado no sofá

Referência máxima em coloração e queridinho das atrizes globais, Anderson Couto tem uma trajetória um tanto quanto inusitada na área da beleza, e que pode servir de inspiração para outros cabeleireiros e profissionais do ramo.

Ele nem sonhava que seria cabeleireiro e, hoje, é um dos mais requisitados do Rio de Janeiro, com dois salões de renome: Espaço Gioh, onde é sócio de Giovanna Ewbank, e Majestic.

Se você já admira o trabalho desse grande artista ou se não o conhece ainda e quer saber como ele iniciou na carreira e quais foram os passos fundamentais para chegar onde está hoje, continue com a gente até o final deste post!

Como Anderson Couto iniciou no mundo da beleza

Anderson conta que não gostava de estudar e, para não ter que fazer faculdade, queria servir ao exército. Quando foi dispensado, não sabia o que fazer da vida. Resolveu, então, perguntar a dois tios que trabalhavam como barbeiros quanto eles ganhavam. Como o valor lhe pareceu atrativo, pediu que ensinasse o ofício a ele. 

À medida que foi pegando o jeito, despertou-lhe também o interesse de aprender a fazer cortes femininos. Assim, fez um curso integral de 2 meses, enquanto terminava o supletivo ao mesmo tempo.

Seu primeiro salão, na Baixada Fluminense, ficava em uma rua que sequer era asfaltada, e ele relembra que passava o dia limpando a poeira das cadeiras, já que não apareciam clientes. Resolveu, então, fechar as portas e ir trabalhar como funcionário em um salão na Zona Sul, para que pudesse adquirir mais experiência. Foi aí que tudo começou a mudar.

A importância da capacitação para chegar ao sucesso

Nesse salão, em que trabalhava como barbeiro, Anderson se empenhava em observar as colegas cabeleireiras, além de pegar apostilas emprestadas, aproveitando para estudar no trajeto de ônibus que fazia diariamente.

Depois, já trabalhando em outro salão como cabeleireiro, Anderson estava decidido a largar mão da profissão por causa de um atendimento não muito bem sucedido. Naquele momento, sua patroa lhe deu uma oportunidade que foi um divisor de águas em sua carreira. Mesmo sem saber fazer muita coisa, estava disposto a aprender cada vez mais e fez valer a oportunidade. Após 4 anos, já era o cabeleireiro que mais faturava naquele salão.

Depois de algum tempo, com um salão próprio em Copacabana, atendeu a primeira atriz, Letícia Spiller, que estava se preparando para a personagem Betina, da novela Viver a Vida. Ele sabia que aquela era a oportunidade de sua vida, e caprichou na produção do cabelo dela. 

Fernando Torquatto, outro grande nome do universo da beleza, era o responsável pela caracterização da personagem e desistiu de colocar mega hair em Letícia de tanto que gostou do trabalho de Anderson, que ainda era desconhecido na época. 

O cabelo de Betina se tornou o mais pedido na emissora. Assim, outras atrizes passaram a procurá-lo, e Torquatto o convidou para participar do programa Superbonita, no GNT, proporcionando grande visibilidade ao trabalho de Anderson, que afirma o seguinte:

“A oportunidade vem, mas você precisa estar preparado. Se não, ela passa e não volta”.

Banner Romeu Felipe - BeautyClass
Banner Mechas Expert

Conselhos de Anderson Couto para profissionais da beleza 

“Quando você trabalha como qualquer um e estuda como qualquer um, você vai ser qualquer um. Para ser um profissional de excelência, é preciso trabalhar pra isso.”

Essas são palavras de quem já tem uma bagagem de mais de 20 anos de experiência. Mesmo tendo começado por acaso, ele se declara completamente apaixonado pelo que faz. E qual é a dica de Anderson para o profissional que deseja se destacar e está disposto a ir além? Determinação! Isso significa, segundo ele, estudar e trabalhar mais do que a média.

Sair do salão e buscar referências nas redes sociais, ir atrás desses profissionais e procurar aprender, se atualizar e se aperfeiçoar sempre. Anderson ressalta, ainda, que muitas vezes será necessário abrir mão de momentos de lazer e diversão para se dedicar ao  aprimoramento profissional. Ele, por exemplo, assistia novelas para ficar por dentro das tendências e, depois, pedia ajuda das colegas cabeleireiras para reproduzir os cabelos das atrizes. 

O hair designer afirma que investe e treina seus auxiliares, porque reconhece que talentos podem ser perdidos por falta de incentivo, de alguém que diga ao profissional que ele pode ter a chance de mudar de vida se se estiver disposto a buscar e a atingir a excelência, visto que muitos vão trabalhar com beleza por falta de oportunidades em outras áreas. 

Anderson Couto atendendo cliente em seu salão

O que é preciso para ser um profissional completo

Embora seja famoso pelos “loiros praianos”, Anderson também produz ruivos e castanhos incríveis, além de fazer cortes impecáveis. Isso é fundamental, porque corte e coloração são complementares — e um pode arruinar o outro, caso o profissional não tenha essa expertise.

Ele criou um estilo único de trabalho, inspirado no lifestyle carioca e baseado em pesquisas e adaptações de técnicas que fez pensando na mulher brasileira que busca um look mais natural. 

Além de se especializar e dominar técnicas variadas, estar sempre por dentro das tendências e criar uma identidade para o seu trabalho, é preciso saber divulgá-lo, fazendo seu marketing pessoal de forma adequada — principalmente nas redes sociais —, oferecer um atendimento diferenciado, ter compromisso com horários e ser gentil não só com os clientes, mas também com colegas, patrões e funcionários.

Assim, você se torna um profissional cada vez mais completo e com a agenda cada vez mais cheia, conquistando aos poucos o sucesso que você sempre almejou, inclusive financeiro. 

Anderson Couto ao lado de Giovanna Ewbank

Preço cobrado

Você deve estar curioso(a) para saber qual o valor cobrado por profissionais de ponta, certo? Com uma agenda bastante disputada, e clientes como Giovanna Antonelli, Fernanda Lima, Adriane Galisteu e Giovanna Lancellotti, fazer mechas com Anderson Couto não sai por menos de 1600 reais. Fora o corte, que gira em torno de 500 reais.

A trajetória desse profissional prova que, independentemente do seu ponto de partida, com empenho e dedicação é possível alcançar o sucesso na área da beleza. Por isso, não pare nunca de estudar e não desista de buscar seus sonhos. Esteja preparado para as oportunidades que aparecerem em seu caminho!

Gostou de conhecer um pouco mais da história do artista Anderson Couto? Que tal nos contar um pouco sobre a sua também? Deixe seu comentário!